fbpx

QUARESMA E A CAMPANHA DA FRATERNIDADE

fevereiro 10, 2021

A quarta-feira de cinzas, que neste ano será dia 17 de fevereiro, marca o início da quaresma. Na celebração das cinzas nos recordamos da nossa finitude “pois tu és pó e ao pó tornarás” (Gn 3,19) e do quanto necessitamos da misericórdia de Deus. Reconhecemos nossas culpas e pecados e manifestamos nosso sincero arrependimento buscando uma nova vida regrada no jejum, penitência e oração, a fim de que haja em nós uma verdadeira e profunda conversão. Esta é a exortação de ordem: “Convertei-vos e crede no Evangelho” (Mc 1,15). As cinzas que são impostas em nossa fronte em forma de cruz é sinal de arrependimento, penitência e conversão. A quaresma é um tempo de preparação para a grande festa da Páscoa, cujo centro é o ápice da nossa fé, a Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo. Pois, Paulo atesta que vã seria a nossa fé, se Cristo não tivesse ressuscitado (I Cor 15,14), visto que Ele venceu a morte e nos deu acesso à vida eterna. Quarenta na Bíblia é o número da preparação, sempre depois desse número vem um grande acontecimento, o que podemos conferir desde o antigo testamento, 40 dias de duração do dilúvio, para depois as águas escoarem e desvendarem uma nova terra; 40 anos de êxodo do povo hebreu no deserto, para enfim chegar à terra prometida; 40 dias e 40 noites que Moisés ficou no monte Sinai e de lá desceu com as tábuas da Lei; 40 dias e 40 noites do jejum de Jesus no deserto, para depois anunciar o Reino; enfim, eis o tempo de conversão celebrado em comunhão com toda a Igreja, o tempo quaresmal, que nos prepara para celebrarmos conscientemente a festa pascal. Já é tradição desde o seu princípio que a campanha da fraternidade seja divulgada e trabalhada com maior profundidade na quaresma e faz todo sentido já que a quaresma também nos remete a responsabilidade que devemos ter com o próximo, principalmente com os mais pobres, foi justamente nesse clima de solidariedade que a campanha da fraternidade foi criada. No Evangelho Jesus nos convida a unidade “Pai que todos sejam um para que o mundo creia” (Jo 17,21), tema proposto pela campanha da fraternidade 2021, cujo tema é “Fraternidade e Diálogo: Compromisso de Amor” e o lema é “Cristo é a nossa Paz: Do que era dividido, fez uma unidade”. Esta é uma campanha da fraternidade ecumênica que está em comunhão com outras igrejas cristãs. Ecumenismo na terminologia grega “oikoumene” significa “a casa comum” onde todos possam habitar juntos, é como o corpo que tem diferentes membros, cada um com a sua função, mas, todos dependentes entre si e que trabalhando juntos compõem uma linda harmonia, a vida. Aqui no Brasil temos o Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (CONIC) e são membros do CONIC as seguintes Igrejas: Igreja Católica Apostólica Romana – ICAR, Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia – ISOA, Igreja Episcopal Anglicana do Brasil – IEAB, Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil – IECLB, Igreja Presbiteriana Unida – IPU, Aliança de Batistas do Brasil – ABB. A missão é promover a justiça e a paz através do diálogo, valorização da vida e da amizade fraterna, pois, como bem disse o Papa Francisco “é preciso fomentar uma cultura do encontro”, um encontro onde impere o respeito, a empatia e consequentemente a solidariedade. Que nesta quaresma possamos desenvolver atitudes de conversão, diálogo e de fraternidade, para assim darmos verdadeiro testemunho do Ser Igreja, ligada a Cristo Nosso Senhor, mas, sem descuidar dos irmãos que estão ao nosso lado e que são a face de Deus.

Priscilla Ferreira de Paula – Graduada e Pós Graduada em Teologia pela PUCPR.

Comente pelo Facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *